Finasterida Funciona? [ O que é, Para que Serve e Como usar ]

A Finasterida é um medicamento que divide opiniões e é por isso que hoje vamos falar sobre alguns mitos e verdades a respeito do produto, a fim de entender melhor como ela funciona.

A queda de cabelos é um problema que não implica em uma condição mais séria de saúde. No entanto, o problema causa um grande impacto estético, podendo afetar negativamente a autoestima e a autoconfiança masculina.

Para quem não sabe, a Finasterida é um dos medicamentos mais utilizados para o tratamento da queda de cabelo masculina. Ele também é utilizado no tratamento do câncer de próstata e pode ser encontrado de uma forma relativamente fácil em farmácias físicas e online.

No entanto, o que acontece é que atualmente existem muitos pontos que podem ser considerados positivos no seu uso, além de algumas polêmicas relacionadas ao medicamento.

Então, se você está mesmo interessado e quer saber um pouco mais sobre a Finasterida, continue lendo e descubra tudo o que você precisa saber sobre o assunto.

O que é a Finasterida?

Capifix

Para quem ainda não conhece, a Finasterida é um medicamento que está disponível no mercado brasileiro desde 1998, sendo um dos medicamentos mais conhecidos e utilizados no tratamento da calvície masculina.

Mais do que isso, é importante lembrar que ele é indicado tanto no tratamento da queda de cabelo genética quanto nos casos hormonais, contribuindo para a recuperação de áreas calvas.

Em seu princípio, a Finasterida foi desenvolvida para o combate ao câncer de próstata. No entanto, os paciente passaram a relatar um aumento no seu volume e crescimento de cabelo.

Dessa forma a ANVISA passou a registrar que o remédio também poderia ser utilizado para o combate à calvície, com uma diferença de dosagem, claro, sendo de 5mg para o câncer de próstata e 1mg para calvície.

Mitos e verdades sobre a Finasterida

Capifix

Para quem ainda não conhece, a Finasterida é um medicamento que está disponível no mercado brasileiro desde 1998, sendo um dos medicamentos mais conhecidos e utilizados no tratamento da calvície masculina.

Mais do que isso, é importante lembrar que ele é indicado tanto no tratamento da queda de cabelo genética quanto nos casos hormonais, contribuindo para a recuperação de áreas calvas.

Em seu princípio, a Finasterida foi desenvolvida para o combate ao câncer de próstata. No entanto, os paciente passaram a relatar um aumento no seu volume e crescimento de cabelo.

Dessa forma a ANVISA passou a registrar que o remédio também poderia ser utilizado para o combate à calvície, com uma diferença de dosagem, claro, sendo de 5mg para o câncer de próstata e 1mg para calvície.

Mitos e verdades sobre a Finasterida

Capifix

Para quem ainda não conhece, a Finasterida é um medicamento que está disponível no mercado brasileiro desde 1998, sendo um dos medicamentos mais conhecidos e utilizados no tratamento da calvície masculina.

Mais do que isso, é importante lembrar que ele é indicado tanto no tratamento da queda de cabelo genética quanto nos casos hormonais, contribuindo para a recuperação de áreas calvas.

Em seu princípio, a Finasterida foi desenvolvida para o combate ao câncer de próstata. No entanto, os paciente passaram a relatar um aumento no seu volume e crescimento de cabelo.

Dessa forma a ANVISA passou a registrar que o remédio também poderia ser utilizado para o combate à calvície, com uma diferença de dosagem, claro, sendo de 5mg para o câncer de próstata e 1mg para calvície.

Mitos e verdades sobre a Finasterida

Capifix

Pois bem, se você já pensou em usar a Finasterida para combater a queda de cabelo, certamente já se deparou com um monte de histórias e relatos que são assustadores, embora nem sempre sejam verdadeiros.

Então, vamos conhecer alguns mitos e verdades a respeito da Finasterida:

  • Tomar apenas 1mg é suficiente

Tomar apenas 1mg é suficiente

Tomar apenas 1mg é suficiente

Tomar apenas 1mg é suficiente

Verdade! A Finasterida no tratamento da queda de cabelo tem uma dosagem fixa que independe do estágio ou grau de queda de cabelos, sendo possível escolher o momento para dar início ao uso da medicação.

No entanto, é sempre essencial que um médico especialista faça uma avaliação correta, considerando cada caso individualmente, bem como a realização de exames periódicos de acompanhamento para conferir as taxas metabólicas do paciente.

  • Finasterida funciona controlando as glândulas sebáceas

Finasterida funciona controlando as glândulas sebáceas

Finasterida funciona controlando as glândulas sebáceas

Finasterida funciona controlando as glândulas sebáceas

Verdade! Cientistas suíços realizaram estudos que comprovaram que a queda de cabelos é causada por ataques fúngicos que ocorrem ao couro cabeludo, bem como por bactérias.

Nesse caso, os homens são os mais atingidos pelo problema por causa dos elevados níveis de hormônio testosterona, transformando a região do couro cabeludo no ambiente propício para a proliferação dos mesmos.

Já o excesso de gordura é outro prato cheio para bactérias, portanto, combater o excesso de sebo é essencial, o que torna a Finasterida muito indicada.

  • A ação do medicamento é muito eficiente

A ação do medicamento é muito eficiente

A ação do medicamento é muito eficiente

A ação do medicamento é muito eficiente

Depende! Dizer se essa informação é mito ou verdade depende muito da interpretação de casa pessoa sobre o que é rápido ou o que é demorado.

No entanto, a verdade é que os resultados já podem ser notados a partir do terceiro mês de uso. Mais do que isso, o tempo pode variar de acordo com a resposta individual do organismo de cada paciente.

Isso porque cada pessoa reage de uma forma diferente a um tratamento. Assim, ao passo que algumas pessoas conseguem apenas mantes os cabelos já existentes, outras conseguem ainda recuperar uma boa parte dos danos já causados.

  • Finasterida acaba com a queda de cabelo mais causa impotência sexual

Finasterida acaba com a queda de cabelo mais causa impotência sexual

Finasterida acaba com a queda de cabelo mais causa impotência sexual

Finasterida acaba com a queda de cabelo mais causa impotência sexual

Mito! O inegável é que sim, a finasterida pode ocasionar uma perda da libido, que consequentemente pode se expressar na dificuldade de ereção ou não, afinal, não é fácil ter uma ereção quando não se tem desejo sexual.

Mais do que isso, abaixa da libido não é uma condição que aparece em todos os pacientes e, quando acontece, o problema pode ser recuperado através da suspensão do tratamento. Dessa forma, quando parar de tomar a Finasterida, o desejo retorna ao normal.

Segundo dados, a diminuição da função erétil é algo em torno de 1,3% enquanto a diminuição ad libido é algo em torno de 1,8%. Isso não é nada significativo e nem irreversível.

  • Só homens podem usar Finasterida

Só homens podem usar Finasterida

Só homens podem usar Finasterida

Só homens podem usar Finasterida

Verdade! Embora a calvície também ocorra em mulheres, o tratamento com Finasterida é indicado apenas para o público masculino. Isso porque o medicamento é teratogênico, ou seja, se a mulher vier a engravidar no uso, o bebê vai nascer com má formação.

Por isso o seu uso é completamente contraindicado para todas as mulheres que se encontrem em idade fértil, mesmo quando não há intenção de engravidar.

Por fim, lembre-se que a Finasterida não pode ser comprada sem receita médica e que o acompanhamento de um profissional é essencial para garantir segurança e bons resultados.

Pronto, agora você já sabe um pouco mais sobre a Finasterida para a queda de cabelo!

Fonte:http://mulherescomdilma.com.br/capifix-funciona/

Dermacaps Funciona ? Anvisa, Bula, Preço ?

Na última semana recebi inúmeras mensagens me perguntando: “Valéria, Dermacaps funciona mesmo?”. Pensando nisso, resolvi escrever esse artigo contando minha experiência com esse produto.

Lembrando! Eu usei o Dermacaps por 3 meses e vou te contar detalhes dessa minha experiência, portanto, se você deseja comprar esse produto e está em dúvida se vale a pena, recomendo que leia esse artigo até o final.

Vamos ao que interessa…

Conheci essa maravilha depois que uma amiga me contou que estava eliminando as celulites com um produto natural em cápsulas. Na hora, fiquei super curiosa, afinal, que mulher não gostaria de se livrar de uma vez por todas das celulites?

Foi aí que ela me contou sobre o Dermacaps. A partir desse dia, uma enxurrada de anúncios começou a me perseguir, a todo momento eu via anúncios do produto no Facebook e resolvi pesquisar a fundo sobre esse composto.

Descobri que a composição do Dermacaps é a mais eficaz no combate as celulites e encontrei vários artigos (como esse) falando super bem do produto. Resolvi comprar para fazer um teste, adquiri 3 potes.

A compra foi bem tranquila, tudo muito seguro e a entrega foi bem rápida, recebi os potes em apenas 5 dias úteis. No dia seguinte comecei a tomar, seguindo as recomendações do fabricante no rótulo do produto.

Nos primeiros 15 dias não senti nenhuma diferença e comecei a desconfiar do produto, achei que ele não acabaria com minhas celulites e que minha amiga estava ficando maluca.

O fato é que eu estava profundamente enganada. O Dermacaps funciona de verdade! A partir do primeiro mês comecei a notar um aumento constante nos resultados e no final dos 3 meses de tratamento eu estava livre das celulites.

Se esse meu pequeno relato já foi o suficiente para esclarecer as suas dúvidas, quero lhe presentear com um desconto exclusivo!

Basta clicar no botão abaixo e você será redirecionada para o site do produto. Escolha o seu kit e finalize a sua compra.

Veja também: Os benefícios da gelatina.

Como Dermacaps funciona?

Rico em vitaminas C e E, contém substâncias que agem na produção do colágeno garantindo uma pele mais saudável e bonita. As cápsulas também auxiliam na prevenção de gordura localizada, celulite e flacidez melhorando a circulação sanguínea e a elasticidade.

O poder antioxidante combate a formação de radicais livres no organismo, inibindo a absorção de toxinas e ainda elimina as impurezas que podem prejudicar o aspecto “casca de laranja” da pele.

É recomendado para você que:

  • Enfrenta os temidos “furinhos”;
  • Está flácida;
  • Deseja ter uma pele bonita e saudável;

Efeitos Colaterais

Fique tranquila, a composição do Dermacaps é 100% natural e não provoca efeitos colaterais. O produto é destinado ao público feminino e pode ser usado por qualquer pessoa.

No caso de grávidas ou que amamentam, crianças menores de 12 anos, idosas, pessoas com doenças pré existentes ou que utilizam algum remédio regularmente, é necessário a consulta médica antes de começar o uso. Não contém glúten.

Dermacaps: Como tomar?

Indica-se o uso de ;Dermacaps ;duas vezes ao dia, uma cápsula pela manhã e outra à noite, antes das refeições. O recomendado é a utilização do produto de forma contínua por no mínimo 3 meses.

Cada frasco possui 60 cápsulas, portanto, adquira 3 unidades para o tratamento completo. Vale lembrar que ;não deve ;utilizar dosagens maiores que a recomendada pelo fabricante.

Depoimentos

Resolvi selecionar alguns depoimentos de pessoas reais que obtiveram os resultados esperados com o produto. Veja o que elas tem a dizer sobre isso:

Como comprar o Dermacaps?

Fico muito feliz que você leu meu artigo até aqui, espero que eu tenha te ajudado de alguma forma. Se você ainda tiver alguma dúvida, pode deixar um comentário abaixo que eu te respondo o mais rápido possível.

A partir de agora a decisão é sua: Liberte-se ou viva com a celulite para sempre. Para garantir o desconto exclusivo, basta clicar no botão abaixo e fazer o seu pedido.

Depois que entrar no site, basta escolher a quantidade de potes (quanto mais potes, mais barato fica) e clicar no botão: “Comprar Agora”.

Após isso, basta preencher seus dados corretamente e efetuar o pagamento. Outro detalhe importante, faça sua compra preferencialmente com cartão de crédito, pois, além da segurança, seu pedido será processado mais rápido e chegará em menos tempo até sua residência.

Atenção: ;Esse desconto é exclusivo para leitores(as) do blog, portanto, eu não sei até quando estará disponível. Aproveite enquanto ainda há tempo e compre seu Dermacaps com desconto!

Confira o vídeo que separamos para você sobre o assunto:

Clique aqui para conhecer o Renova 31!

Para voltar a página inicial, clique aqui!

Candidíase é uma DST? – Conheça os Sintomas e o Tratamento

Não, a Candidíase não é uma DST. Alguns ginecologistas afirmam que ela não pode ser considerada uma DST, pela relação sexual não ser a única forma de transmissão, ela pode se manifestar individualmente.

A cândida é um fungo presente em várias partes do corpo, principalmente na flora vaginal. Entretanto, ela se reproduz causando alguns sintomas incômodos, causado pelo calor e a umidade da região afetada. Outros fatores que podem influenciar são o uso de antibióticos, gravidez, relação sexual desprotegida com um parceiro contaminado e roupas apertadas.

Sintomas:

Alguns sintomas são nítidos quando há a presença dessa micose, mas é sempre importante relembrar que quem pode te dar o diagnóstico com mais precisão é seu médico.

Dentro dos principais sintomas estão:

  • Coceira intensa;
  • Corrimento esbranquiçado (parecido com nata);
  • Inchaço e vermelhidão na vulva;
  • Ardência.

Como ocorre a transmissão?

Como já dito, uma das causas da aparição do fungo é ter uma relação sexual desprotegida com uma pessoa portadora da doença, o contato da secreção é direto com a pele e a contaminação é instantânea. Por isso o uso da camisinha é indispensável, principalmente se você não conhece seu parceiro.

A aparição do fungo, também ocorre, quando o corpo está com uma imunidade muito baixa, assim o fungo leva vantagem e se prolifera na região vaginal. O que muitas pessoas não sabem, é que ele pode aparecer na boca, que é conhecido como o famoso sapinho, na garganta, na pele e nas unhas.

Tratamentos

O processo de tratamento é muito simples, após a prescrição de um médico, você já pode começar a tomar a medicação. Algumas pomadas aliviam a coceira que causa um enorme desconforto. Além disso, uma mistura de água morna e bicarbonato de sódio ajuda no tratamento da doença.

Cuidados

  • Utilizar camisinha;
  • Evitar duchas vaginais;
  • Sempre higienizar a região;
  • Não usar roupas apertadas que impeçam a circulação de ar;
  • Não usar biquíni molhado durante muito tempo.