Resenha #308 - A Caminho do Altar - Julia Quinn - Editora Arqueiro



Título: A Caminho do Altar
Série: Os Bridgertons # 8
Editora: Arqueiro
ISBN: 9788580415735
Ano: 2016
Páginas: 317

*Livro cedido em parceria com a editora.


Ao contrário da maioria de seus amigos, Gregory Bridgerton sempre acreditou no amor. Não podia ser diferente: seus pais se adoravam e seus sete irmãos se casaram apaixonados. Por isso, o jovem tem certeza de que também encontrará a mulher que foi feita para ele e que a reconhecerá assim que a vir. E é exatamente isso que acontece.
O problema é que Hermione Watson está encantada por outro homem e não lhe dá a menor atenção. Para sorte de Gregory, porém, Lucinda Abernathy considera o pretendente da melhor amiga um péssimo partido e se oferece para ajudar o romântico Bridgerton a conquistá-la.
Mas tudo começa a mudar quando quem se apaixona por ele é Lucy, que já foi prometida pelo tio a um homem que mal conhece. Agora, será que Gregory perceberá a tempo que ela, com seu humor inteligente e seu sorriso luminoso, é a mulher ideal para ele?





E acabou-se a série Os Bridgertons. Um minuto se silencio pra essa família maravilhosa!

No último livro dos irmãos Bridgertons, chegou a hora de Gregory, o segundo Bridgerton mais novo.

Diferente de todos os seus amigos, Gregory sempre acreditou no amor. Convenhamos também que não tinha como ser diferente, afinal seus pais se casaram por amor e todos seus sete irmãos também.

Então, Gregory está apenas esperando até encontrar a mulher com que ele passará o resto de sua vida.

O que Gregory não esperava era que Hermione Watson (só eu senti um toque de homenagem nesse nome?) está apaixonada por outra pessoa e não está nem aí pra ele.

Lucinda Abernathy, melhor amiga de Hermione não considera seu amado um bom partido para amiga, então ela decide ajudar Gregory a conquistar o coração de Hermione.

Porém, ao tempo que Lucy vai aconselhando Gregory, ela começa a notar algo mais no rapaz, logo ela ve que logo ela, que nunca acreditou em amor, encontra-se apaixonada por ele.

Ao passo que Gregory começa a notar mais Lucinda, com seu senso de humor, inteligencia e seu sorriso sincero. O problema agora, é claro, é que Lucy está prometida desde sempre pelo seu tio a um homem que ela mal conhece.

Não vou dizer que o livro me decepcionou, porque seria um termo pesado demais, mas ele não me agradou muito.

Gregory é, sem dúvida um Bridgerton. O que acho legal nessa série é que conseguimos notar a marca da família em cada irmão e com Gregory não foi diferente.

Porém, notei uma mudança sutil na trama comprada as outras 7. Simplesmente senti falta da família Bridgerton no livro. Oh, ela apareceu, sim, mas não tanto quanto nos outros livros. Violet é sempre uma presença constante e nesse livro, ela aparece bem pouco. Dos irmãos temos apenas Hyacinth, e uma participação bem curta de Colin e Anthony.

Em todos os outros livros, mesmo os filhos que já não moravam mais com a mãe, ainda assim a interação da família era maior do que nesse oitavo volume.

Óbvio que a narrativa e o enredo da história ajudaram a mascarar um pouco essa falta. A trama, devo dizer me surpreendeu e muito. O que a Julia Quinn tem de diferente é que ela consegue, em casa livro com o mesmo tema, fazer algo diferente.

A gente sabe que o casal vai ficar junto no final, sabe que o casal viverá feliz para sempre, mas mesmo assim, no meio da história me perguntei se isso iria, de fato, acontecer e cheguei, confesso, a ficar um pouco apreensiva.

Mas o que teve de bom no início e meio da história, não teve tão bom assim no final.

Pensei que como esse é o último livro dos irmãos Bridgertons, que encontraria um final mais familiar, mas não. O epílogo foi bem curto, assim como os acontecimentos finais da história.

Em um momento a história está sendo muitíssimo bem comandada e no outro, ela é apressada e tudo termina muito rápido e algumas coisas ficam no ar a cargo da nossa imaginação, o que eu devo dizer, não gostei.

Já estou com saudades de esperar um livro de algum irmão Bridgerton. Como fui dito na Bienal do Livro do Rio de 2015, a autora trará mais romances envolvendo o universo Bridgerton, cabe agora esperarmos até serem lançados.

Enquanto isso, podemos sempre reler os livros, né? Com certeza é o que farei. Principalmente com Anthony, Colin e Hyacinth <3



15 comentários :

  1. Adorei a resenha, bem explicativa.
    Ouvi falar muito sobre essa série mas nunca me interessei por ela porque não sou muito fã de romance, principalmente romance de época.
    Não estou dizendo que não leria, mas é que não faz meu tipo mesmo.

    ResponderExcluir
  2. Oi Roberta.
    Eu li apenas os primeiros dois livros da série e parei. Eu adoro romances históricos (amo os Hathaways), mas não sei porque eu não me simpatizei com os Bridgertons.
    Fico até feliz por não ter continuado a leitura. São 8 livros no total? Nossa, é muita coisa.
    Que pena que nesse último livro os outros membros da família não apareceram tanto e que o final não tenha sido tão bom assim.

    ResponderExcluir
  3. Eu ainda estou no 3 livro dessa série e gosto muito. Quero ler todos logo!

    ResponderExcluir
  4. Sou doida para começar a ler essa série <3
    Vejo todo mundo falando super bem da escrita da autora e principalmente dessa série de livros. Fora que as capas são lindas, né 😍
    E agora por já terem lançado o último livro da série fiquei com mais vontade ainda de lê-los, até porque sou daquelas que quando engata em séries quer ler tudo um atrás do outro kkkk
    Gostei muito da história deste livro mostrando um personagem masculino que acredita no amor, geralmente vejo sempre ao contrário, sendo a mocinha a romântica.
    Uma pena o final ter sido corrido, ainda mais para um livro fechamento de série :/

    ResponderExcluir
  5. Gostei da resenha,estou louca para ler esse livro,estou lendo o livro 6 então ainda vai demorar um pouco,rsrsrs,mais sou apaixonada por essa família.

    ResponderExcluir
  6. Olá! Já li muitos comentários a respeito dessa série, mas ainda não tive oportunidade de ler a mesma. Gosto de romance de época, as capas são muito lindas e as sinopses bem interessantes. Gostei muito da sua resenha, clara e sincera. Vou adicionar a minha lista de futuras leituras. Obrigada pela dica. Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Não sei bem o que dizer sobre esse livro ou a resenha, afinal é uma série que não conheço e não tenho interesse nenhum em conhecer.
    Mas deve ser triste esperar tanto tempo pelo desfecho de uma série e ela ser menor que espetacular. Eu sei porque foi isso que senti com o desfecho de Divergente...
    Para os fãs, deve bater um vazio no coração com o fim, não é mesmo? Espero que os próximos livros da autora cheguem logo e te agradem como essa série.

    ResponderExcluir
  8. Eu morro de vontade de ler essa série e ainda não tive oportunidade; tudo o que leio a respeito me deixa ainda mais ansiosa e desejosa de conhecer essa família.
    A capa desse último livro é uma das minhas preferidas da série e ,apesar de o final não ter te agradado tanto, não diminuiu em nada meu querer por esses livros haha...


    www.emcadapágina.com

    ResponderExcluir
  9. Ai, como lidar com o fim dessa série maravilhosa? E essa capa perfeita? Já estou morrendo de vontade de fazer essa leitura e ver como vai ser o romance desse último dos irmãos. Uma pena que ele não tenha te agradado tanto assim, mas ainda assim estou empolgada para ler e espero fazer isso o quanto antes!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Estou com o coração apertado pelo fim da série, estou ainda no 4° livro, com medo de me apegar de mais aos personagens e depois ficar com uma baita ressaca. Amo a família Bridgerton, sempre bem humorada e envolvente, acho que com Gregory não sera diferente, gosto desses amores que se desenvolvem inesperadamente, amo a Violet e acho que, como é o ultimo livro da série devia ter mais cenas da família, tenho certeza que isso também ira me incomodar, espero que os próximos livros tragam mais sobre a união dos irmãos

    ResponderExcluir
  11. Oi Beta!
    Que pena que não te agradou tanto. Justamente por ser o fim da série poderia aparecer bem mais da família como um todo, né? Digamos que uma despedida mais digna hahaha. Eu ainda não li, mas qnd chegar lá provavelmente vou pensar a mesma coisa, rsrs

    ResponderExcluir
  12. Sempre eu ouço alguém falando deste serie, mas confesso que não é um gênero literário que eu goste muito. Mas, se um dia eu tiver oportunidade de comprar, com certeza comprarei.

    ResponderExcluir
  13. Tive antes muita vontade de ler os livros da Julia quinn mas sempre deixava para depois e acabei meio que perdendo o interesse, o principal motivo é que eu não gosto muito desse genero literarios. A capa é linda.
    Não gostei de saber que o final não é como imaginava pois acho que o final sempre tem que ser o melhor.

    ResponderExcluir
  14. Que série maravilhosa, uma das minhas preferidas. Os livros de Julia Quinn são maravilhosos, principalmente por retratar perfeitamente a época em que se passa a história. Espero que ela escreva mais séries longas e lindas como Os Bridgerton.

    ResponderExcluir
  15. Eu já li O Duque e Eu da série Os Bridgertons, e simplesmente me encantei pela história, e como foi o primeiro livro que li do gênero romance de época, foi ai que comecei a adorar livros deste gênero, então sem dúvidas pretendo ler os outros livros da série, só não li ainda pois não tenho, mas quero muito ler.

    ResponderExcluir

Comente, ficarei muito feliz em saber sua opinião!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores

Seguidores G+

Siga-nos no Networked