Resenha #356 - Lúcida - Ron Bass, Adrienne Stoltz - Galera Record

Título: Lúcida
Autor (a): Ron Bass, Adrienne Stoltz
Editora: Galera Record
ISBN: 9788501077646
Ano: 2016
Páginas: 364

* Livro recebido em parceria com a editora.

Um thriller psicológico eletrizante, do roteirista de Rain Man e O casamento do meu melhor amigo. Sloane é uma aluna nota 10, com uma grande e amorosa família. Maggie vive uma existência glamorosa e independente, como aspirante a atriz em Nova York. As duas não poderiam ser mais diferentes. A não ser por um pequeno detalhe, algo que não têm coragem de revelar a ninguém. À noite, cada uma sonha que é a outra. Os sonhos são tão vívidos que as garotas sentem e experimentam o que a outra está passando naquele momento. Seriam as duas reais? Uma delas estaria mentalmente instável e imaginando a outra? Seriam ambas a mesma pessoa? Qual delas é real?
"Neste momento, sou Maggie. Na verdade, Sloane Margaret Jameson, mas Maggie desde aquela tarde em que a professora do jardim de infância telefonou para minha mãe, Nicole, para contar que Sloane tinha dado um soco na boca de Devin Cruikshank."

Olá queridos leitores. Hoje venho falar um pouco sobre o livro Lúcida de Ron Bass e Adrienne Stoltz publicado pela Galera Record. Vamos nessa?

Lúcida nos traz duas personagens, Maggie e Sloane ambas de dezessete anos e quando elas dormem uma sonha ou vivencia o dia da outra. Peculiar ou não esse segredo elas guardam a sete chaves e apenas a psiquiatra de Maggie tem conhecimento do fato e claro, acaba associando a algum tipo de patologia e incentivando Maggie a viver sua própria vida ao invés de "criar" outra, já que pode ser um caminho sem volta para múltiplas personalidades, entre outras patologias macabras e sem cura.

Maggie mora em New York seu pai faleceu e sua mãe trabalha na revista Elle e é ausente, além de delegar a ela responsabilidades sobre sua irmã de sete anos que é bastante esperta e com quem se preocupa bastante. A vida de Maggie poderia ser perfeita, com um guarda-roupas moderno a disposição, além de muitos convites e entradas vip em festas e eventos de prestígio; e para somar é uma atriz em busca de seu grande papel e momento.


"Meu nome é Sloane Margaret Jameson. Jamais soquei ninguém chamado Devin Cruikshank na boca, porque nunca conheci alguém chamado Devin Cruikshank. Além do mais, não sou de socar ninguém. Sou mais de golpear com a cabeça."


Sloane reside em Mystic com sua família, um irmão de sete anos que acredita que meninas têm doenças contagiosas e seus pais. Teria uma ótima vida se não fosse à morte de seu melhor amigo e uma relação delicada com sua mãe. Apesar disso ela se bem com vários colegas de escola e é o tipo de pessoa que não pertence a um grupo especifico, paira entre grupos, sendo querida por todos. A morte do seu melhor amigo é algo que mexeu muito com ela e possui uma enorme dificuldade para lidar com a situação.

Tanto Maggie quanto Sloane estão acostumadas ao fato de uma sonhar com o dia que a outra passou, como memórias ou como observadoras (só irão entender melhor quando lerem o livro - não posso explicar muito sem dar spoilers), porém em determinado momento os "sonhos" que elas têm uma com a outra começa a interferir no dia a dia delas, além de elas sempre se questionarem o que é ou não real! Se ambas existem ou até mesmo se Maggie, por exemplo, seguir os conselhos de sua psiquiatra, se a outra deixará de existir ou ela deixará de existir?

Lúcida é um livro intrigante que deixa o leitor ávido por mais e por descobrir junto aos personagens seus destinos. Cada virada de página trazia a sensação de que algo estava espreitando e uma agonia por talvez uma das personagens não ser real. O final não foi exatamente o que eu esperava como redondo. Deixando questões em aberto e isso me decepcionou um pouco. Mas, mesmo assim curti a leitura.
"Então o pânico bate, com todos os meus questionamentos a respeito desses meus sonhos serem fruto de uma insanidade e para onde podem me levar, e a ironia incrível que é Maggie ter uma psiquiatra. Meu grande medo é um dia ser normal: vou adormecer, e Maggie não estará mais aqui. Vou ter apenas sonhos comuns, uma boa noite de sono. E ela terá desaparecido. Mas meu maior medo é o que preciso repetir pra mim mesma que jamais acontecerá. A noite que Maggie for dormir, e eu desaparecer."

18 comentários :

  1. Sou apaixonada por livros que mexem assim com a imaginação. Que deixam essa pontinha de angústia. Esse misturar de realidade, fantasia..e questionamentos.
    O tema não é tão comum, outro ponto que acaba despertando ainda mais a curiosidade!
    Lerei se tiver oportunidade!!
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Oii!
    Conhecia o livro apenas por nome, adorei a resenha, o enredo parece bem bacana, vou anotar ele pra não esquecer, qro ler em breve!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  3. Desde que vi esse livro na lista de lançamento a capa me despertou interesse por ser muito bonita, além do mais esse gênero literário tem me chamado a atenção. A trama me pareceu ser bem construída, cheia de mistério, fiquei curiosa para conhecer melhor a história. As personagens me pareceu intrigantes, estou louca para ler esse livro.

    ResponderExcluir
  4. OI!
    Não conhecia o livro, primeiramente preciso falar dessa capa linda que já me chamou atenção de primeira haha. A história está muito interessante, confesso que fiquei muito curiosa para saber o porquê dos sonhos e como isso acabará, espero que todas sejam reais haha, pela sua resenha achei as personagens bem intrigantes, espero ler esse livro o mais rápido possível haha.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Karini!
    Adoro thrillers psicológicos e esse me intrigou demais, fiquei com impressão que Maggie tem dupla personalidade para fugir da realidade, mas quero ler para ver se estou ou não certa e para descobrir o que realmente se passa.
    “Só a mágoa deveria ser a instrutora dos sábios; Tristeza é saber.”(George Lord Byron)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de NOVEMBRO com 3 livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  6. Fico meio decepcionada quando a resenha termina falando que o final do livro não foi o esperado. Nossa, dá um medinho de ler o livro kkk Mas a sinopse é tão instigante que a gente fica se perguntando o que esse livro quer trazer, seus dilemas e tudo mais.
    Gostei e seria um livro que eu leria ;)

    ResponderExcluir
  7. Confesso que a capa chamou bastante a minha atenção.
    Mas depois de saber um pouquinho mais sobre a história abordada no livro, fiquei meio balançada.
    Parece ser uma leitura leve e boa. Mas como não faz muito o meu tipo, não leria a obra no momento.
    Pra quem curte o gênero, acredito que é uma boa pedida!
    Gostei bastante da sua opinião.
    Beijos,
    Caroline Garcia

    ResponderExcluir
  8. Nossa a premissa do livro parece ser muito interessante. Saber se ambas as meninas são reais e se são por que elas sonham uma com a outra. Maggie tem uma vida perfeita mas esses sonhos ''esquisitos'' devem a abalar bastante. E Sloane ter essa relação delicada com a mãe e a perda do seu melhor amigo deve ser bem difícil. Super leria esse livro mesmo sabendo que o final foi um pouco decepcionante

    ResponderExcluir
  9. Ola,
    Essa é a primeira resenha que vejo do livro, e achei super interessante essa coisa de uma sonhar como vai ser o dia da outra, parece ser algo bem bacana, tentarei dar uma chance a leitura, mesmo que no final temos algumas pontas soltas, a leitura parece agradar.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  10. Oi, sabe que por mais que eu goste, eu não leio muitos livros do gênero? Gostei desse, quero conseguir ler antes do fim do ano.
    Beijos
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  11. Oi.
    Não conhecia o livro, mas fiquei muito interessada. Gosto de enredos com mistérios e que mechem com nossa imaginação.
    A resenha está perfeita, muito bem explicada. Dica anotada.
    Obrigada.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  12. Eu não conhecia esse livro, mas ele me interessou bastante. O enredo do livro parece ser bem legal, e parece que os personagens são muito bem construídos. Mas confesso que o que mais me chamou a atenção foi essa capa (que eu achei muito linda). Só é uma pena que o final tenha deixado algumas coisa em aberto (também não gosto muito disso).

    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Adoro livros aasim,e quero muito ler esse,ainda não tinha ouvido falar dele,confesso que fiquei bastante curiosa. Adorei a resenha,parabéns.

    ResponderExcluir
  14. Até que o livro me pareceu bom. Mas confesso que não tive muita vontade de ler ainda. Ele tem um jeitinho legal de fazer a gente ler, parece que deixa uma curiosidade pra saber onde a história vai chegar. Mas não estou muito encorajada ainda. E às vezes final aberto me deixa decepcionada, não sei se gostaria desse...

    ResponderExcluir
  15. Que livro diferente! E já adorei!
    Vou querer lê-lo sim.
    Amo livros que têm esse "universos paralelos", acho supercurioso e espetacular, esse me lembrou um pouco o A última chave, da Camila M. Guerra, maravilhoso por sinal!!!
    Bjss

    ResponderExcluir
  16. Oi!
    Ainda não conhecia esse livro, mas não pensei que fosse gostar tanto dessa historia, a resenha inteira me deixou curiosa para saber mais e o porque desses sonhos, só não gostei muito de o final deixar coisas em aberto, mas se tiver oportunidade quero muito ler essa historia !!

    ResponderExcluir
  17. Parece ser interessante, mas não faz muito meu estilo de leitura! Talvez um dia eu leia.

    ResponderExcluir
  18. Nossa, parece ser bem eletrizante mesmo e diferente também. Gostaria de ler para tirar a curiosidade que fiquei.

    ResponderExcluir

Comente, ficarei muito feliz em saber sua opinião!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores

Seguidores G+

Siga-nos no Networked